Com dúvidas na defesa e no meio, Chapecoense recebe o Inter de Lages

11/03/2015 09:39

Técnico Vinicius Eutrópio ainda não confirmou equipe que entra em campo nesta quarta-feira (11), às 19h30, na Arena Condá. 

Passa pelo departamento médico e pela avaliação do técnico Vinicius Eutrópio a escalação da Chapecoense que recebe o Inter de Lages nesta quarta-feira (11), às 19h30, na Arena Condá, pela segunda rodada do Hexagonal do Campeonato Catarinense. Com dúvidas na defesa e no meio de campo, o comandante verde e branco fechou parte dos treinamentos da semana e não confirmou a equipe que inicia a partida. 

O zagueiro Vilson, que saiu de campo sentindo dores após uma queda no empate frente ao Criciúma no último domingo (08), não participou dos treinamentos da semana e ainda não tem presença confirmada para o embate diante do Colorado lageano. Caso Vilson seja vetado, Neto deve iniciar uma partida pela primeira vez com a camisa verde e branca. 

Além da dúvida na defesa, o técnico Vinicius Eutrópio não definiu quais jogadores formarão o meio de campo da Chapecoense. Elicarlos, Richarlyson e Hyoran disputam duas vagas. Elicarlos e Richarlyson foram os titulares diante do Tigre. Porém, a entrada de Hyoran na meia é uma alternativa. Assim, Richarlyson pode aparecer mais recuado, como volante, ou Eutrópio pode optar por manter Elicarlos na contenção. 

- Não é nem suspense. É uma dúvida em relação a características entre Elicarlos, Richarlyson e Hyoran. Um jogador é mais de marcação, outro mais de passe, outro tem possibilidade de dar um drible a mais, fazer uma jogada individual… – explicou Eutrópio. 

Já o Leão da Serra vem a Chapecó sem dois dos seus principais jogadores. Por suspensão automática, desfalcam a equipe de Lages o meia Marcelinho Paraíba e o atacante Reinaldo, que juntos somam nove gols no Catarinense. Eutrópio acredita que o adversário, com as ausências, perde na referência, mas deve ganhar em vigor físico. 

- Eles perdem duas referências. Por outro lado, devem ganhar um pouco na questão física, já que os dois (Marcelinho Paraíba e Reinaldo) vinham num ritmo muito forte. Para a gente independe, porque vamos respeitar o Inter da mesma maneira – sentenciou. 

Na estreia do Catarinense, a Chapecoense goleou o Inter de Lages na Arena Condá pelo placar de 5 a 0. Mas, engana-se quem imaginou que, por conta do placar elástico, o desafio foi fácil. 

- Aquele jogo, na verdade, só quem acompanhou internamente, a ansiedade da estreia, a pressão de estrear em casa, sabe que a partida foi difícil. Depois acabamos tornando ela fácil. Mas, ao longo do campeonato eles já mostraram que são difíceis de ser vencidos – finalizou o comandante verde e branco. 

Em busca da primeira vitória no Hexagonal, a Chapecoense deve entrar em campo com: Nivaldo; Apodi, Rafael Lima, Vilson (Neto), Dener; Wanderson, Elicarlos (Richarlyson), Hyoran (Richarlyson), Willian Barbio e Ananias; Roger. 

 

Tudo sobre Chapecó