Grêmio tem carta na manga para ficar com Cristian Rodríguez

10/03/2015 08:50

Por enquanto, são apenas quatro meses. No entanto, o Grêmio já tem uma carta na manga para garantir a permanência de Cristian Rodríguez por muito mais tempo. O vínculo do uruguaio — anunciado oficialmente pelo Tricolor ontem — com o Atlético de Madrid encerra-se apenas na metade de 2016, mas algumas cláusulas possibilitam a saída já em junho deste ano. Com ele em Porto Alegre, a direção começará a trabalhar nisso a partir de agora.

Neste período, a ideia é apresentá-lo ao clube, mostrar o projeto, acolhê-lo bem e despertar o desejo de permanência por mais tempo. Assim, assinaria um contrato de dois a três anos. A proximidade com Montevidéu e os familiares também será lembrada.

Agora, a corrida é contra o tempo para ter o novo reforço já em campo no sábado, contra o Cruzeiro, com um grande público na Arena. São três dias para superar basicamente seis passos. O jogador precisa fazer CPF, o registro de estrangeiro e a carteira de trabalho. Isso deverá ser encaminhado já no início da tarde. Após essas três etapas, faltam o registro do contrato, a emissão do certificado de transferências internacional e a regularização por parte das federações brasileira e italiana. “É preciso contar com a boa vontade do Parma”, destaca o advogado gremista Gabriel Vieira.

Caso contrário, sua estreia pode ficar apenas para 1º de abril, pela Copa do Brasil, já que o meia foi convocado para o amistoso entre Uruguai e Marrocos, dia 28 de março. A viagem para Portugal está marcada para o dia 22, quando a seleção começa os treinamentos. No mesmo dia, o Grêmio enfrenta o Lajeadense. A solução pode ser antecipar o confronto para o sábado ou adiar a apresentação do atleta. Cristian Rodríguez desembarca hoje em Porto Alegre. Caso não haja nenhum contratempo, o sétimo reforço de Felipão para a temporada deverá ser apresentado à tarde.

 

Correio do Povo